Projetos Infoco e Carcará em ação nas comunidades

Jovens do interior do Amapá aprendem informática em projeto da Amcel

Trabalho passou por Tartarugalzinho, chegou em Ferreira Gomes e irá a outros municípios 

 Uma iniciativa da Amcel está levando uma nova perspectiva de vida para jovens estudantes do interior do Amapá, que não teriam condições financeiras de passar por um centro de formação profissional. No mês passado, em Tartarugalzinho, distante 232 km de Macapá, dezenas de jovens passaram pelo curso básico de informática, o mesmo que agora está sendo realizado em Ferreira Gomes, a 135 km da capital.

As aulas são ministradas por técnicos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), entidade contratada pela Amcel para atender os jovens assistidos pelo projeto “Carcará”, da Polícia Militar do Amapá, no destacamento de Tartarugalzinho.

image.png
Jovens do projeto Carcará aprenderam informática em unidade móvel do Senai. Fotos: Amcel e PM 

image.png
                              …projeto hoje tem cerca de 200 jovens 

 
image.png
                        …que já começam a pensar no mercado de trabalho 

A Amcel é parceira do projeto Carcará há bastante tempo. Este ano, os alunos já receberam uniformes da empresa. 

“Selecionamos para o curso de informática os que já estão na idade de pensar no mercado de trabalho. A Amcel é a nossa parceira, que sempre nos fornece material dentro de suas possibilidades, já que tem outros projetos sociais para ajudar. Este ano, já recebemos 100 uniformes, incluindo shorts, camisas e bonés”, explica o capitão Medeiros, criador do projeto Carcará.

O capitão, um sargento e mais 15 voluntários civis movimentam o projeto criado em 2011 com 50 jovens, e que hoje possui mais de 200.

Unidade Móvel

As aulas de informática são ministradas dentro de um ônibus transformado num moderno laboratório com notebooks. Em Tartarugalzinho foram duas turmas, totalizando 48 estudantes, entre jovens e adultos.

image.png
                Curso de marketing pessoal  

image.png
           Alcione (Amcel), capitão Medeiros e o professor Carlos  

“Na mesma sequência fizemos uma oficina de marketing pessoal para moradores da comunidade em geral. Foram mais de 50 pessoas nesse projeto”, explica Alcione Maciel, relações públicas da Amcel.

As aulas agora ocorrem em Ferreira Gomes, numa parceria com a associação de moradores do Quilombo do Palha.

“Também vamos estender esse trabalho para Itaubal e Santana, onde serão dois bairros em agosto”, adianta Alcione.

Fonte: Selles Nafes.

Ter, 18 de Junho de 2019